Uncategorized

Busch Gardens recebe certificação pelo tratamento dado aos animais

A American Humane, maior organização reguladora de bem-estar animal do mundo, anunciou que o Busch Gardens Tampa Bay recebeu o selo “Humane Certified”, por meio do seu Programa de Conservação, devido aos tratamentos e cuidados de alta qualidade oferecidos aos animais que vivem no local. O parque passou por um longo e rigoroso processo de auditoria realizado por empresas terceirizadas e juntou-se a outras poucas instituições certificadas nos Estados Unidos.

O Programa de Conservação da American Humane é o primeiro projeto de regulamentação dedicado exclusivamente à fiscalização do bem-estar e do tratamento humanitário dado aos animais que vivem em zoológicos, aquários e centros de preservação em todo o mundo. O programa aplica critérios rigorosos, baseados na ciência e desenvolvidos por um Comitê Científico Consultivo independente composto por líderes de renome mundial nos campos da ciência, comportamento e ética animal.

“O público demanda, e com razão, que os animais sob cuidados humanos recebam tratamento de alta qualidade e sejam fiscalizados de acordo com critérios embasados cientificamente e de acordo com o bem-estar do animal,” explica Kwane Stewart, doutor em Medicina Veterinária e chefe do departamento Veterinário do Programa de Conservação da American Humane. “Reconhecemos a iniciativa do Busch Gardens Tampa Bay em abrir voluntariamente suas portas para passar por exames exaustivos, incluindo avaliações detalhadas das condições reais de bem-estar animal e das práticas de cuidados para cerca de 12 mil animais que vivem no parque e avaliações intensivas nos habitats feitas por uma equipe de auditores independentes. Como resultado do cumprimento dos muitos requisitos do programa, este parque está se unindo a um seleto grupo de 20 instituições dos EUA que se qualificaram para essa certificação.”

“Estamos muito orgulhosos em receber essa certificação da American Humane pelo cuidado que oferecemos aos nossos animais todos os dias,” disse Jeff Andrews, vice-presidente de Operações Zoológicas no Busch Gardens. “Além de manter padrões excepcionais de cuidados, a equipe do parque continua buscando novas formas de enriquecimento ambiental e de bem-estar para os animais que vivem no Busch Gardens.”           

O Programa de Conservação da American Humane conta com uma extensa lista de critérios que avalia várias dimensões envolvidas no bem-estar animal, tais como: excelência dos cuidados com a saúde do animal e com o habitat em que ele vive; interações positivas entre os indivíduos do grupo e também entre os animais e seus cuidadores; ambientes seguros e estimulantes, levando em conta iluminação apropriada, níveis de sons, qualidade do ar e regulação da temperatura; e capacidade de estabelecer protocolos para prevenir e atuar em emergências médicas ou operacionais.

Para ter mais rigor no processo, o Busch Gardens foi avaliado por uma auditoria independente, para checar se estava de acordo com os critérios da American Humane.

“Nós acreditamos que todos os animais, incluindo aqueles que vivem em zoológicos, aquários e parques de conservação certificados, merecem receber cuidados humanitários, ” disse Robin Ganzert, Ph.D., presidente e CEO da American Humane. “Esse programa ajuda a garantir o bem-estar de milhões de animais e acreditamos que é muito positivo o fato de cada vez mais as organizações zoológicas estarem permitindo que grupos humanitários independentes examinem suas operações para verificar, com medidas objetivas, o nível do cuidado oferecido. Isso é bom para o público, é necessário para as organizações, assim eles conseguem demonstrar o seu compromisso com o bem-estar animal e melhorar suas práticas cada vez mais e, acima de tudo, é importante para as espécies ameaçadas de extinção que nós todos queremos preservar.”



“O público demanda, e com razão, que os animais sob cuidados humanos recebam tratamento de alta qualidade e sejam fiscalizados de acordo com critérios embasados cientificamente e de acordo com o bem-estar do animal,” explica Kwane Stewart, doutor em Medicina Veterinária e chefe do departamento Veterinário do Programa de Conservação da American Humane. “Reconhecemos a iniciativa do Busch Gardens Tampa Bay em abrir voluntariamente suas portas para passar por exames exaustivos, incluindo avaliações detalhadas das condições reais de bem-estar animal e das práticas de cuidados para cerca de 12 mil animais que vivem no parque e avaliações intensivas nos habitats feitas por uma equipe de auditores independentes. Como resultado do cumprimento dos muitos requisitos do programa, este parque está se unindo a um seleto grupo de 20 instituições dos EUA que se qualificaram para essa certificação.”

“Estamos muito orgulhosos em receber essa certificação da American Humane pelo cuidado que oferecemos aos nossos animais todos os dias,” disse Jeff Andrews, vice-presidente de Operações Zoológicas no Busch Gardens. “Além de manter padrões excepcionais de cuidados, a equipe do parque continua buscando novas formas de enriquecimento ambiental e de bem-estar para os animais que vivem no Busch Gardens.”           

O Programa de Conservação da American Humane conta com uma extensa lista de critérios que avalia várias dimensões envolvidas no bem-estar animal, tais como: excelência dos cuidados com a saúde do animal e com o habitat em que ele vive; interações positivas entre os indivíduos do grupo e também entre os animais e seus cuidadores; ambientes seguros e estimulantes, levando em conta iluminação apropriada, níveis de sons, qualidade do ar e regulação da temperatura; e capacidade de estabelecer protocolos para prevenir e atuar em emergências médicas ou operacionais.

Para ter mais rigor no processo, o Busch Gardens foi avaliado por uma auditoria independente, para checar se estava de acordo com os critérios da American Humane.

“Nós acreditamos que todos os animais, incluindo aqueles que vivem em zoológicos, aquários e parques de conservação certificados, merecem receber cuidados humanitários, ” disse Robin Ganzert, Ph.D., presidente e CEO da American Humane. “Esse programa ajuda a garantir o bem-estar de milhões de animais e acreditamos que é muito positivo o fato de cada vez mais as organizações zoológicas estarem permitindo que grupos humanitários independentes examinem suas operações para verificar, com medidas objetivas, o nível do cuidado oferecido. Isso é bom para o público, é necessário para as organizações, assim eles conseguem demonstrar o seu compromisso com o bem-estar animal e melhorar suas práticas cada vez mais e, acima de tudo, é importante para as espécies ameaçadas de extinção que nós todos queremos preservar.”

Deixe um comentário